Florianópolis é, definitivamente, um dos melhores lugares do país para curtir o verão. Não à toa, o Ministério do Turismo divulgou que a ilha da magia é o segundo destino preferido dos brasileiros para aproveitar a alta temporada. O primeiro é São Paulo.

Claro, pensar em férias é quase pensar em nordeste. Águas quentes, coco gelado e palmeiras por todos os lados. Mas Florianópolis é um destino tão paradisíaco quanto. Não se espante se não pensar nas lindas praias de lá ao programar seu período sabático. Na verdade, muita gente também esquece de Floripa e isso é positivo!

Essa falta de conhecimento da pluralidade de vivências que a cidade oferece se dá também pelo fato de muitas das atividades ficarem mais acessíveis se você tem um familiar ou amigo que possa introduzir o tema. Mas sua viagem não está por um fio. Abaixo, explicamos alguns do motivos que fazem a multifacetada Florianópolis o destino certo da sua trip. 

A gastronomia de Florianópolis

Citada como um dos destinos gourmets mundiais para degustação de ostras, na respeitada publicação internacional Conde Nast Traveler em 2016, Florianópolis é destino sem erro para quem adora esta especiaria. Na região de Ribeirão da Ilha, centenas de fazendas de ostras são responsáveis pelo abastecimento de restaurantes especializados em culinária Al Mare por toda a costa brasileira, inclusive Nordeste – onde a qualidade da ostra é afetada em determinadas épocas do ano devido às altas temperaturas do mar.

Alguns restaurantes são famosos: Ostradamus e Ponta das Caranhas, mas a experiência ganha um plus se você estiver rodeado por história e folclore local no bairro de Santo Antonio de Lisboa. Ali há também diversas lojas de artesanato e antiquários locais. O momento ideal para a visita? Sem dúvidas, no pôr-do-sol.

RECEBA CONTEÚDOS EXCLUSIVOS TODA QUARTA-FEIRA. NÃO SE PREOCUPE, TAMBÉM ODIAMOS SPAM!

Hospedagem

Citada como um dos destinos gourmets mundiais para degustação de ostras, na respeitada publicação internacional Conde Nast Traveler em 2016, Florianópolis é destino sem erro para quem adora esta especiaria. Na região de Ribeirão da Ilha, centenas de fazendas de ostras são responsáveis pelo abastecimento de restaurantes especializados em culinária Al Mare por toda a costa brasileira, inclusive Nordeste – onde a qualidade da ostra é afetada em determinadas épocas do ano devido às altas temperaturas do mar.

Alguns restaurantes são famosos: Ostradamus e Ponta das Caranhas, mas a experiência ganha um plus se você estiver rodeado por história e folclore local no bairro de Santo Antonio de Lisboa. Ali há também diversas lojas de artesanato e antiquários locais. O momento ideal para a visita? Sem dúvidas, no pôr-do-sol.

Curtição

A decisão aqui depende do que você procura: calmaria, agito, bares e restaurantes, ou ate mesmo, uma imersão na galera argentina.
Como assim? Bom, digamos que no período de final de dezembro até as duas primeiras semanas de janeiro, o norte de Florianópolis, sede de praias famosas como Canasvieiras, Praia dos Ingleses e Jurerê Internacional, tem uma população de 90% de argentinos. Parece loucura, mas você vai inclusive escutar músicas em castelhano nos bares e restaurantes por ali.
Caso queira mais agito e opções de bares e restaurantes, o norte e sul da ilha são excelentes opções. Ambos os extremos da ilha possuem variedade e uma turma jovem curtindo festas que praticamente todas as boates oferecem. 
Mas o que bomba mesmo no verão são os festivais de música eletrônica, recheados de atrações internacionais, geralmente sediados por um dos maiores day clubs do pais, o Parador P12 – parte do Grupo Novo Brasil, que possui outros hotspots da cidade.
A tranquilidade também acolhe se o desejo for um programa mais leve. A região de Santo Antonio de Lisboa tem pouca oferta de hospedagem, tornando sortudos aqueles que conseguem unir o rápido acesso a um dos melhores sunsets da cidade com as opções de gastronomia e cultura. O Campeche também oferece praias bucólicas, sedes de muitos luaus ao som de violão durante a noite.

Aventura

Considerando que dois terços da população seja de jovens devido a alta concentração de universitários na cidade, a aventura com a natureza como cenário não fica de fora. Windsurf, kayak, mergulho, standup paddling, surf, sandboard e uma variedade surpreendente de trilhas. A Avenida das Rendeiras, no Bairro da Lagoa da Conceição, por si só concentra a maior parte dos praticantes de standup paddle, kayak e windsurf. A famosa Praia da Joaquina, por onde o Campeonato Billabong passa todos os anos, é destino dos surfistas de todo o mundo.

O mergulho mais elogiado costuma ser na Reserva Marinha Biológica da Ilha do Arvoredo. Considerado um dos pontos de mergulho com maior variedade de flora e fauna marinhas país, possui empresas especializadas que também realizam batismo (parte do processo de certificação de mergulho). Para garantir o acesso a ilha é necessário fazer um cadastro no site da Reserva pois o acesso e controlado.

Para os amantes do contato com o verde exuberante do que ainda restou de Mata Atlântica, Florianópolis entrega trilhas com e sem cachoeira, longas e curtas, que podem ser feitas em uma ou mais etapas. A garantia da vivência desta atividade é para todas as idades pelos diversos níveis de dificuldade. O destaque, sem dúvidas, vai para a Trilha da Lagoinha do Leste (considerada nível 4 numa escala de 4 a 5). Após uma hora de percurso quase que radical, a praia se torna aconchego para um mergulho merecido e, para quem ainda tiver pique, uma subida de 15 minutos ate a Pedra da Coroa, de onde saem algumas das fotos mais curtidas de Florianópolis.

Segredos da Ilha

Sede de um dos cursos universitários de música mais conceituados do pais, durante todo o ano há bares e restaurantes com programação especial que desfila por MPB, jazz, piano bar e até mesmo um bom rock clássico. 
 
O nudismo está liberado, caso você curta um bronzeado completo e a pegada naturalista. Mas calma! Não em qualquer praia. Praia das Galhetas é o lugar certo. Com pouco movimento, a privacidade é, contraditoriamente, quase garantida. Só não completamente porque não é proibído andar trajado. 
 
Logo, alguns curiosos acabam passando por ali. Aqueles que voltam geralmente aderem à sensação de liberdade de um mergulho peladão.

Florianópolis é lugar de muito bicho grilo, galera de paz e amor, e você acaba tendo a chance de aproveitar essa vibe. A yoga se tornou uma das atividades que mais tem se projetado no cenário comercial da cidade. De centros de pratica a empresas especializadas em organizar escapadas em meio a natureza. 

A Lagoa da Conceição ainda hospeda um dos mais respeitados centros de yoga do método De Rose de todo o mundo, anexado a um hostel no maior estilo AirBnB

Comentários

Comentários