A pressão alta é uma doença que atinge 30% da população brasileira, segundo dados da Sociedade Brasileira de Hipertensão (SBH). No mundo, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), 7 milhões de pessoas morrem a cada ano e 1,5 bilhão adoecem por causa da pressão alta.

Domine a pressão alta

/ Aposte no alho como aliado
O alho tem ação expectorante, analgésica, antibacteriana e trata a hipertensão arterial leve, reduzindo os níveis de colesterol. “Ele vem sendo usado desde a antiguidade por suas propriedades antimicrobianas e pelos efeitos benéficos ao coração e circulação”, explica Paula Castilho, nutricionista da Nação Verde, rede de produtos naturais de São Paulo.  Pode ser utilizado diretamente no preparo de alimentos. Também é possível consumi-lo na forma de suplementos alimentares, os chamados “óleos de alho”, que têm as mesmas propriedades e são comercializados em cápsulas.

/ Prefira alimentos ricos em potássio
Inhame, feijão preto, lentilha, abóbora, cenoura, chicória, couve-flor, vagem, espinafre, rabanete, abacate, banana, ameixa, laranja, mamão e maracujá ajudam a controlar a entrada de sódio no organismo. “Quando o potássio entra nas células, o sódio sai. Essa dinâmica garante o equilíbrio hidroelétrico do corpo”, comenta a nutricionista. Quanto menos sódio no organismo, melhor para sua pressão.

/ Consuma alimentos com ômega 3 e 6
Peixes gordos, como sardinha, atum, cavala, salmão e arenque, têm mais ômega 3 e 6, o que colabora para a retirada do excesso de gordura do sangue, ajudando na fluidez da circulação. O óleo de linhaça também é fonte natural dessas substâncias e ser consumido no formato de suplemento alimentar, em cápsulas.

RECEBA CONTEÚDOS EXCLUSIVOS TODA QUARTA-FEIRA. NÃO SE PREOCUPE, TAMBÉM ODIAMOS SPAM!

/ Para carne vermelha, opte por cortes magros
Prefira carnes magras, que têm menos sódio na composição. Carnes gordas também aumentam o percentual de gordura no sangue, o que pode levar ao entupimento dos vasos e aumento da pressão arterial. Na hora de cozinhar, não frite a carne: prepare-a assada, grelhada ou cozida.

/ Utilize temperos para substituir o sal
Ingredientes como salsa, coentro, cebola, cebolinha, orégano, limão e louro ajudam a reduzir o sal adicionado na preparação da comida. “O consumo excessivo do sal é um dos principais causadores de hipertensão e, por esse motivo, é fundamental evitar”, explica a nutricionista.

/ Fique atento a alimentos industrializados e dietéticos
Alimentos industrializados em excesso, até mesmo os dietéticos, são vilões na hora de controlar a pressão. Enlatados, embutidos, salgados e refrigerantes sem açúcar costumam ter alto percentual de sódio, o que leva ao aumento da pressão por causa da retenção de líquidos